Abra sua mente que eu te mostro a minha

Gente de mente fechada não entende gente “fechada” como eu.

Preconceito não leva ninguém a conhecer alguém de verdade.

Abra sua mente que eu te mostro a minha.

}ï{

Anúncios

Sobre a dona do blog

Pecadora redimida por Aquele que morreu na cruz e ressurgiu. "Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó." Salmos 103:14
Esse post foi publicado em Confissões, Vlogs e marcado , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para Abra sua mente que eu te mostro a minha

  1. Gislaine Lima disse:

    Eu queria te dizer que gostei muito do seu blog. Tenho um afilhado que tem Transtorno afetivo bipolar, já faz uns dois anos que ele foI diagnosticado, mas agora em abril ele ficou muito ruim, se envolveu com drogas e fui pesquisar sobre o assunto. Nossa, vc me esclareceu muitas coisas e me fez ver a real. Amo muito ele, alem de meu afilhado é meu primo e vou fazer de tudo para ele se sentir melhor, mostrei seus videos ate pra minha avó, o pessoal da familia nao entende bem mas to fazendo minha parte, explicando oque eu estou aprendendo… Desejo muita saúde pra voce Fabiola, voce é linda, da pra ver que muito inteligenteao meu ver. Te adicionei no facebook, me aceita la. Muito prazer em conhecer um pouco de voce. Beijo.

    • Lola disse:

      Oi Gislaine! Você não sabe como me emociono em ver que as pessoas estão buscando informações sobre os transtornos mentais. Fui diagnosticada há muitos anos. Faço tratamento há uns 8 anos mas o quadro nem sempre é estável. Muitas vezes as crises aparecem por um simples cansaço físico ou estresse emocional. Agora, quer ver sua família começar a entender ou pelo menos ter mais cuidado? A cada visita ao psiquiátra que seu afilhado fizer, mande um membro da família junto ao consultório, façam rodízio, para que o médico possa explicar o que ele tem. O meu médico faz assim: primeiro entra o paciente, depois o acompanhante. Não sei como é aí. Mas é necessário a conscientização da família, pois quando ele estiver em crise, até a vida dele vai depender dos familiares. A sua compreensão e apoio já são muita coisa pra ele,mesmo que ele não diga. Acredite! Só o fato de ter uma mão compreensiva pra segurar já deixa o doente mental mais seguro e confiante no tratamento. Beijão e obrigada por ler o blog!

      • Gislaine disse:

        Valeu Fabiola, vou continuar te acompanhando e torcendo pelo sucesso do seu tratamento, estou rezando por você. Beijo, Gi.

  2. joao disse:

    olá Lola.
    fui tratado por muito tempo como estressado, ha pouco tempo e com outro medico tive o diagnostico que eu ja sabia, TAB, muitas coisas se encaixaram, mas nao está nada facil estou depressivo, e com dias que tenho a dor na alma que voce sabe como é. se quiser compartilhar me add no msn: *****@hotmail.com.

    abs. fique com Deus

    • Lola disse:

      Oi João! Obrigada pelo comentário e pela visita ao blog. Sei exatamente o que você sente. E eu tenho também passado por períodos mais longos de depressão, pois sou THB do tipo 2. É um apocalipse dentro da cabeça que se espalha pelo corpo! Então, te adicionei mas ocultei seu endereço de MSN no comentário por questão de segurança, tá bom?! Não se entrega pra depressão! Com ela eu já aprendi que é questão de tempo e paciência. Nós podemos vencê-la no cansaço. Aguenta firme que ela vai embora. Abraço e nos “vemos” depois pelo MSN!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s