Morte x Vida

Enquanto eu ainda comemoro 1 ano de distância de uma crise violenta, com uma última tentativa de suicídio, meu avô paterno falece. E é nessas horas que um bipolar ou depressivo pode perceber com clareza em si mesmo a diferença entre uma grande tristeza e uma doença mental. Estou muito triste e não estou em crise mas o dia do falecimento do meu avô nunca será esquecido por mim.

Em um dado dia minha mente ficou insana o suficiente pra eu tentar colocar fim na minha dor pela 3ª vez. Um ano e um dia depois meu querido avô se vai. Tinha mais de 80 anos mas com uma disposição invejável e muita vontade de viver. Um ano atrás algo me fazia sentir que eu precisava da morte mas me vi entre duas pessoas que desejavam a vida. Agora eu vejo a vida do meu avô acabar em uma provável parada cardíaca. E ele queria muito viver.

Mais uma vez eu vejo vida através da janela da dor mental ou da emocional. Vejo gente querendo a vida e gente perdendo a vida. Olho pra trás e vejo uma crise horrenda, olho pra hoje e vejo o luto que há um ano poderia ter sido o da minha família por mim. Sei que o vô está na eternidade vivendo muito melhor do que ele viveria aqui. Estou triste e chorando agora o que não pude chorar na hora, durante o dia, pois havia obrigações, compromissos e, pra variar, eu sorrio e aguento até acabar tudo pra eu poder desabar.

Talvez esse acontecimento esteja sendo usado por Deus pra me mostrar que eu preciso de um empurrãozinho de ano em ano, de um confronto entre vida e morte bem diante dos meus olhos, pra eu perceber que enquanto não se der a vitória da morte é pela vida que se deve lutar e torcer. Apesar de crise ou luto eu tenho Deus enchendo meu ser, e é por isso que consigo perceber a vida vencendo de alguma forma até mesmo quando a realidade da morte parece nocautear.

vida

Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos; (…) Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente; Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas.II Coríntios 4:8,9; 16-18.

}ï{

Anúncios

Sobre a dona do blog

Pecadora redimida por Aquele que morreu na cruz e ressurgiu. "Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó." Salmos 103:14
Esse post foi publicado em Confissões, Lucubrações e marcado , , . Guardar link permanente.

6 respostas para Morte x Vida

  1. Nadja Reis disse:

    Eu também estou há tempos vendo a vida através da janela da dor mental.
    Minha avó tem mais de 80 anos e tem arritmia cardíaca,toma mais de 13 tipos de remédio por dia,vive indo pro hospital,e nossa,ela é a pessoa que mais ama viver que eu conheço! Fico observando ela e pensando ”Ela tão doente e com tanta vontade de viver,lutando com a doença todos os dias,e eu aqui,saudável fisicamente e desejando a morte mais que tudo.
    Eu bem que poderia trocar de lugar com minha avó,eu faria isso de bom grado,sem pensar duas vezes.A vida é mesmo uma piada de mau gosto.”

    E,sobre seu avô,meus sentimentos.

    • Lola disse:

      Obrigada pelas condolências. Minha família está bem e Deus me deu consolo antes do que eu esperava. Mas você deseja a morte mais que tudo porque seu cérebro ainda está doente, portanto, você não está exatamente saudável fisicamente. Já faz tempo que está assim, tempo até demais. Já está na hora de se dedicar a reagir, de tirar o foco das coisas que não contribuem para sua melhora, e só são distração, para focar na sua recuperação. Você pode e deve fazer isso. Até mesmo meu psiquiatra afirma e sustenta que parte de nós, mesmo doentes, a decisão de reagir e parar de dizer: “Comigo é diferente, eu não aproveito a vida porque sou doente”. E a vida não é piada de mau gosto. A vida é como ela é, mas é obrigação nossa encontrar as piadas de verdade que nos fazem dar risada. Piada de mau gosto é o que eu tentei fazer algumas vezes: desistir de lutar e me entregar àquilo que eu posso vencer. Isso sim foi piada de mau gosto. E piada de mau gosto é usar a desculpa da doença por anos e anos a fio pra não enfrentar a guerra que é a vida. Esteja bem!

  2. Dora Batalha disse:

    Fabíola querida, todo o consolo do Espírito Santo para você e sua família.
    A propósito, desde outubro estou num processo de melhora, graças ao Senhor Deus. Encontrei um médico que tem me ajudado muito. Depois de 3 anos, voltei a trabalhar, a lutar pela vida.
    Fica na paz. Grande beijo.
    Dora.

    • Lola disse:

      Dora querida, não sabe como me alegro em saber que está entrando em remissão, que está melhorando, que voltou a trabalhar e acima de tudo, que decidiu lutar pela vida também. Não é maravilhosos?! Nem tenho palavras pra expessar meu contentamento por você. O mesmo Deus que tem consolado a mim e minha família pela nossa perda também tem te esforçado para lutar. Que Ele te abençoe querida! Muito feliz por você! Permaneça bem. Beijão!

  3. Amigo / Psi disse:

    Como fico Feliz em ver que aquela Arvore Florida continua dentro de Você, força muito fé e sempre tenha esse seu Coração assim Cheio de Amor , Abraços….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s