Lucubrações

Passando na prova

“Não há despertar de consciências sem dor. As pessoas farão de tudo, chegando aos limites do absurdo para evitar enfrentar a sua própria alma. Ninguém se torna iluminado por imaginar figuras de luz, mas sim por tornar consciente a escuridão.” Carl Gustav Jung

árvores

Como quer adquirir sabedoria e experiência de vida sem passar por provas? Como quer aproveitar a primavera com tudo de bom que ela tem sem passar pelo inverno? Como quer ser aprovado sem passar pelo teste? Quer que Deus jogue a felicidade em cima do seu colo feito um gatinho de estimação? Se Deus não der esse bichinho chamado felicidade você vai se revoltar contra Deus por isso? Pense: se Deus desse a todas as pessoas do mundo a felicidade exatamente como cada um quer, como seria o mundo se todos querem felicidades diferentes? Sofra a prova, entenda seu propósito, aprenda com ela, escute-a, converse com ela, guarde o luto mas deixe-o ir depois de um tempo. Ainda que a prova só acabe um instante antes de você partir pra eternidade, certamente experiência de vida, sabedoria e felicidade ela terá produzido até aí. A vida é um teste constante e felicidade não é ter tudo o que se deseja. Felicidade é estar em plenitude com aquilo que se tem e aprender com os testes que aparecem.

“Foi-me bom ter sido afligido, para que aprendesse os teus estatutos.” Salmos 119:71

“Sabendo que a prova da vossa fé opera a paciência.” Tiago 1:3

}ï{

Anúncios
Lucubrações

Lutos e mais lutas

borboletinha

Uma semana e dois suicídios. Uma depressiva e uma bipolar em fase depressiva. Uma tomou para morrer os remédios que deveriam ser tomados para ajudar a viver. A outra já estava com a mente em queda livre e decidiu jogar o corpo para uma queda livre sem volta. Como não se compadecer por desconhecidas que conheciam o sofrimento uma da outra e o meu também? Vendo a situação delas lembro de palavras como impotência, negligência, desolação. Impotência por não ter tido condição de fazer alguma coisa, negligência dos parentes e amigos que as viam definhar e nada fizeram, desolação dos poucos parentes e/ou amigos que tentaram fazer algo mas não tiveram sucesso. Vendo isso só penso na minha situação. Lembro de palavras como medo e insegurança. Medo do bicho da cabeça e insegurança por ser tão instável e frágil. Todos nós somos, embora façamos de conta que não. Mesmo buscando o tão desejado e superestimado autoconhecimento nós não nos conhecemos de verdade. Só Deus conhece nossos corações, nossas habilidades e fraquezas. Vendo a situação inteira que Deus permitiu que acontecesse, não só um pontinho isolado mas tudo, lembro que ainda existem palavras como esperança, confiança e fé. Esperança de melhora e estabilidade, confiança nas promessas de Jesus, especialmente aquela que diz que eu nunca estarei desamparada, e fé que existe também para suprir quando todo o resto faltar.

“Porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei.” Hebreus 13:5b

“(Porque andamos por fé, e não por vista).” II Coríntios 5:7

“Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco, e depois se desvanece.” Tiago 4:14

“Todo caminho do homem é reto aos seus olhos, mas o Senhor sonda os corações.” Provérbios 21:12.

}ï{

Confissões

Mais um luto

fim de linhaFui lá no vizinho uma vez pedir pra ele baixar o volume da música, pois estava alto demais. Todo santo dia a mesma coisa. Sempre as mesmas músicas de mal gosto em volume tão alto que tremia a janela do quarto. De segunda a segunda e desde cedo da manhã. Não aguentei e fui lá. Ele estava nos fundos e uma moça veio atender. Falei com ela, que compreendeu. Passaram a deixar o volume da música mais baixo por uns dias. Depois o dono da casa esqueceu que incomodava e voltou a colocar música alta. No dia em que fui reclamar ainda pensei que aquele homem precisava era de oração.

Ele acabou de ser furado de faca aqui na minha rua, quase em frente à minha casa. Uma briga, uma gritaria na rua, minha mãe correndo do portão pra dentro de casa gritando pra ligar pro SAMU. Corri, peguei o celular e liguei enquanto corria pra rua com minha mãe. Pedi pra um rapaz que passava tirar a camisa pra eu poder fazer pressão no lugar da facada. Foram 3 facadas. Eu só consegui pressionar um lugar. Fiquei um tempão apertando o quanto podia, esperando a ambulância. Fiquei com sangue nas mãos e com os punhos doendo. Mas era sangue demais. Ele não tinha mais pulso. O sangue já estava parando de sair, já coagulava no chão. Ele tentou puxar o ar 3 vezes. Tinha uma facada nas costas que ninguém viu, mas que sangrava. Ninguém sabia de onde saía mais sangue. O asfalto ficou lavado de sangue.

Eu vi o homem morrer na minha frente. Nem deu tempo de perguntar se ele cria em Jesus como Salvador. Vi as pupilas mudarem, os lábios ficarem sem cor, mas não deu tempo de perguntar nada. Orei a Deus na hora pra que desse outra chance pro homem. Não tinha pulso. Aí chega SAMU e PM e eu entro em casa pra lavar as mãos, os braços e tomar banho. Meus punhos estão doendo de tentar fazer pressão. Minha mãe e minha irmã acabaram de lavar o asfalto com água e sabão. Meu jeito de lidar com isso é escrevendo. E eu bem que poderia ter ido evangelizar esse cidadão quando fui reclamar da música alta. É gente se matando, desistindo da vida na sexta-feira. Na segunda-feira vejo bem na minha frente gente puxando o fôlego com as últimas forças pra tentar viver, mas morrendo mesmo assim. C’est la vie! 

“Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.” Romanos 6:23

“Saiba que aquele que fizer converter do erro do seu caminho um pecador, salvará da morte uma alma, e cobrirá uma multidão de pecados.” Tiago 5:20

}ï{

Confissões, Lucubrações

Lutar pra não enlutar

Não a conhecia. Ela participava do mesmo grupo de apoio que eu. Soube hoje que ela morreu. Morreu de transtorno mental, morreu de depressão, morreu de suicídio, morreu de tudo. Quando ficamos de luto por alguém que não conhecemos sabemos que não é pela pessoa somente, não é somente por um ser humano que se vai. O luto é também por nós. O luto por quem também sofria dos nossos males é uma visualização da possibilidade de luto por nós. É como se um portador de câncer tivesse que ir ao velório de um desconhecido que morreu de câncer. Parar pra pensar na nossa vida e na nossa morte é o mínimo que acontece. Se estamos mal estamos dependurados achando que vamos cair, mas estamos lutando. Se estamos bem também estamos dependurados achando que ainda podemos cair a qualquer momento, mas lutamos mesmo assim. Não se foge da luta, nem estando bem nem estando mal. E lutar pelos outros é melhor do que ficar de luto por eles.

Deus de misericórdia, não consigo nem pensar sobre onde a moça está. É inevitável lembrar que me criticaram tanto (e ainda criticam) por eu me expor pra fazer contato com outros iguais a mim e pra tentar ajudar alguém. Às vezes até me fazem sentir constrangimento. Mas nenhum dos críticos luta por transtornados, por suicidas e afins. Nenhum dos críticos faz nada, nenhum deles luta por ninguém que tenha esses problemas. Só se dedicam a propagar inverdades, falar bobagens e reforçar a discriminação. Não lutam nem pelos mais próximos enquanto estão vivos, pra não se comprometerem muito. Mas depois que alguém morre só resta o luto. Estou de luto por uma desconhecida. Mas pelo menos eu luto por mim e pelos outros com as armas que eu tenho.

Isso me lembra John Donne: “Nenhum homem é uma ilha, isolado em si mesmo; todos são parte do continente, uma parte de um todo. Se um torrão de terra for levado pelas águas até o mar, a Europa ficará diminuída, como se fosse um promontório, como se fosse o solar de teus amigos ou o teu próprio; a morte de qualquer homem me diminui, porque sou parte do gênero humano. E por isso não pergunte por quem os sinos dobram; eles dobram por vós”. (Meditações VII). O luto me faz parar pra pensar.

Borboleta-rosa-de-luto (Papilio anchisiades)
Borboleta-rosa-de-luto (Papilio anchisiades)

“Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, porque naquela está o fim de todos os homens, e os vivos o aplicam ao seu coração.” Eclesiastes 7:2

}ï{

Confissões, Vlogs

30’s, cheguei!

Rio Branco, 13 de Outubro de 2013

Saudações,

Ano passado eu recebi uma carta sua (e que carta!) na qual se desculpava, me agradecia e pedia pra eu me esforçar pra chegar aos 30 anos de idade. Na verdade pensei que não tivesse sido você, e sim quem lhe habita. Você é a casa, mas na época eu olhava pra você e só via os habitantes e os visitantes fazendo bagunça na sala, e por isso eu achava que a casa toda não passava de uma zona. Esqueci completamente que na casa também há uma cozinha asseada onde se prepara comida gostosa, há quartos aconchegantes pra descasar, varanda com uma rede pra embalar, banheiro limpinho pra tomar um banho refrescante, biblioteca que convida à leitura e até um jardim pra plantar bromélias e brincar com o cachorro.

Os habitantes assinaram a carta mas foi você quem a ditou. Eu deveria saber que você é mais que seus habitantes e visitantes, é mais que uma casa bagunçada. É um lar que tem dias de amargor, mas no geral é um doce lar. Bom, não gosto mais de dar nomes à alguns bois, mas vou deixá-los puxarem sua carroça quietos. Esses habitantes que se comportem e os visitantes sejam educados, pois quem manda na casa é o Dono.

Sobre este ano eu só tenho a agradecer ao meu bom Deus por me deixar viver até aqui. Eu gostaria que muitas coisas do passado fossem diferentes e que algumas coisas atualmente se arrumassem, mas como você me recomendou, eu devo continuar com meus planos de não fazer muitos planos e deixar que Deus tome de conta de tudo. Eu fiz uma forcinha do ano passado pra cá. Você deve saber.

Então, eu consegui chegar! Trinta! Não vou dizer pra você que foi fácil, mas também não foi impossível. Sabe que enquanto eu posso continuar eu continuo, Deus me ajuda. Mas quando eu não consigo mais Deus faz pra mim. Eu faço o possível, o impossível é com Ele. E assim a vida vai. Não sei pra onde, mas também nem esquento com isso. Nada de muitos planos, não é?! Lembra que meus planos a longo prazo sempre me geraram expectativas e decepções? Pois é, chega!

Olha, eu sei que as coisas nunca estarão sempre organizadas. Casa arrumada é bom, mas nunca vai ficar um brinco por muito tempo. Eu vou arrumar e limpar, mas os habitantes sempre vão bagunçar. Apesar de eles darem uma animada e uma acelerada nas coisas de vez em quando, eles causam muita desordem e sujeira. E também chamam alguns visitantes mal educados pra ajudar a destruir tudo. Não sei como vou continuar mantendo tudo, só Deus sabe. Mas prometo que vou me esforçar pra deixar tudo direitinho por mais um dia. E de dia em dia quem sabe eu chego aos 31 não é?!

Com paciência,
Lola

“Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios.” Salmos 90:12.

}ï{

Lucubrações

Frases ditas

Alguns ditadores se fazem grandes na história do mundo, outros permanecem desconhecidos do grande público. Mas todos apresentam algumas características que só um bom tirano tem. Um ditador dos bons é mestre na arte de manipular o povo. Sabe manejar e usar muito bem a seu favor o respeito, a admiração, a compaixão, a dó e até o medo alheio. Faz isso sem culpa ou mesmo convencido de que está fazendo o certo. É um verdadeiro cagador de regras, que consegue convencer a todos de que suas regras não fedem. Faz isso com tanta maestria que acaba nem sentindo mais o fedor de suas próprias cagadas. Vejo nisso leves traços de Transtorno de Personalidade Antissocial. Será? Bom, achei por aí umas frases bem ditas (algumas parafraseadas) que mostram que minha desconfiança tem razão de existir.

“É mais fácil envolver o povo numa grande mentira, do que numa pequena. Quanto maior a mentira, mais pessoas acreditarão nela… Torne a mentira grande, simplifique-a, continue afirmando-a, e eventualmente todos acreditarão nela.”

“Olha, é até um alívio quando alguns vão embora.”

“Uma mentira dita cem vezes, torna-se verdade um dia.”

“Não se deixem influenciar pelos pessimistas. Vamos orar pelos pessimistas.”

“Que sorte para os ditadores que os homens não pensem.”

“Não, não disse isso não! Vocês é que interpretaram mal.”

Só lutamos por aquilo que amamos, só amamos aquilo que respeitamos e só respeitamos aquilo que conhecemos.

“Não há perseguição contra você.”

“A propaganda não pode servir à verdade especialmente quando possa salientar algo favorável ao oponente.”

“Eu estou só lhe aconselhando.”

“Aqueles que têm má saúde física e mental não devem perpetuar seus sofrimentos nos corpos de seus filhos.

“Se não aceitarem isso é porque estão com problemas.”

“O vencedor não será perguntado se ele falou a verdade.”

“Quando lá diz ‘Calada!’, É CALADA! MAS CALADA MESMO!!!”

“As mulheres possuem seu próprio campo de batalha. Com todas as crianças que elas trazem ao mundo, lutam uma batalha pela nação.”

“Não, não tem nada disso não. Isso não acontece. Você é que fica muito no achismo.”

“Quanto mais você aspirar, mais vai crescer.”

“Só vai pra assembleia o que eu achar que deve ir.”

“Acredito hoje que estou agindo de acordo com o Criador Todo Poderoso. Ao repelir os judeus estou lutando pelo trabalho do Senhor.”

“Errr… errr… (gaguejando), eu não lhe procurei por não saber qual seria sua reação.”

Uma aliança cujo objetivo não compreenda o propósito de guerra não tem sentido nem valor. Alianças são feitas apenas para combater. E por mais distante no tempo que esteja o conflito no momento de concluir um pacto de aliança, a perspectiva de uma realização armada é, contudo, o íntimo pretexto para que aconteça.

“Depressão se dá por um problema de procrastinação. A pessoa fica deixando as coisas pra depois. Depressão é só uma crise emocional.

Ditadores

“Os lábios arrogantes não ficam bem ao insensato; muito menos os lábios mentirosos ao governante!” Provérbios 17:7.

“Muitos desejam os favores do governante, mas é do Senhor que procede a justiça.” Provérbios 29:26.

“Quando os justos florescem, o povo se alegra; quando os ímpios governam, o povo geme.” Provérbios 29:2.

}ï{

Confissões

Este é para Mim

Mais um vídeo tremido pra dar tontura. Este é para Mim!

Há quem diga que criança é fogo. Na verdade tudo o que elas mostram é sempre só fumaça. Quem tem que procurar o fogo são os outros, pois a criança não sabe ou tem medo. O corpo de bombeiros não veio logo quando minha fumaça subiu. Muita coisa  se consumiu e agora eu só mantenho o que sobrou. Mas agradeço a Deus por me mandar alguém que também me serviu de refrigério no meio do desalento sem saber.

“O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus.” Filipenses 4:19

}ï{